Principal fornecedor de drogas da região Sul do Ceará é preso em São Paulo

Na abordagem, o traficante ofereceu R$ 200 mil aos PMs

Principal fornecedor de drogas da região Sul do Ceará é preso em São Paulo

Damião Érico Cavalcante Nicolau, conhecido como Damiãozinho, de 35 anos, foi preso em Jaguariúna, na região metropolitana de Campinas, interior de São Paulo, com 140 quilos de insumos para fabricação de drogas, crack e cocaína, anotações relacionadas ao tráfico, além de uma arma.

De acordo com as investigações da Polícia Civil do Ceará, Damião era o responsável pelo tráfico de drogas no sul do Estado. Uma movimentação de cerca de R$ 2 milhões por mês.

Damião, segundo a Polícia Civil, lavava o dinheiro do tráfico em uma empresa de fachada, aberta no nome da esposa, que também era parceira dele no crime. Adriana de Oliveira Feitosa foi presa na mesma operação.

O casal levava uma vida normal em São Paulo, onde morava desde 2017, após fugir da cadeia pública de milhã.

Ficha criminal de Damião, o fornecedor de drogas

A ficha criminal de Damião Érico Cavalcante Nicolau é extensa. O homem responde a diversos crimes como homicídio, tráfico e associação para o tráfico de drogas, além de roubo. Damião é apontado ainda no envolvimento das mortes de um vereador e um policial cívil, crime ocorrido em 2011. Ele seria o homem responsável pela contratação dos executores.

 

A última captura do suspeito foi registrada no dia 8 de dezembro de 2017, quando foi preso, junto com Adriana, por tráfico e associação para o tráfico de drogas. Quatro dias depois, o suspeito foi resgatado também com a companheira, da Cadeia Pública de Milhã. Durante o resgate, um policial militar acabou morto. Desde então a dupla era considerada foragida.

Por: Gcmais