Mosquito responsável pela transmissão da malária é identificado pela SESA em Jati

Mosquito responsável pela transmissão da malária é identificado pela SESA em Jati
Imagem ilustrativa

A Secretaria da Saúde do Estado do Ceará (Sesa) divulgou que ao realizar atividade de coleta em campo no mês de agosto foi identificado na região do Cariri, no município de Jati, o mosquito Anopheles darlingi, vetor responsável pela transmissão da malária no Brasil. A doença não tem registros locais nos últimos dez anos no Ceará, e todos os casos até então no Estado são de pessoas com registro de viagens a regiões endêmicas.

No País, cerca de cinco espécies são importantes na propagação da malária: o Anopheles darlingi, A. aquasalis, A. albitarsis, A. cruzi e A. bellator. O monitoramento dos vetores das doenças infectocontagiosas é uma das medidas da pactuação do Plano Anual de Saúde 2021/2023.

É o primeiro registro do vetor na região Sul do Estado. “Ressaltamos que a malária não é uma doença contagiosa, é necessária a participação de um vetor, que no caso é a fêmea do mosquito Anopheles (mosquito prego), infectada por Plasmodium, um tipo de protozoário”, afirma nota da Sesa.

Por:  BFJ, com CBN Cariri e SESA.