Bombeiros do Ceará encerram missão de socorro às vítimas das enchentes na Bahia

Militares atuaram em ações de resgate durante nove dias em três municípios baianos

Bombeiros do Ceará encerram missão de socorro às vítimas das enchentes na Bahia

OCorpo de Bombeiros Militar do Ceará (CBM-CE) encerrou, nessa segunda-feira, 4, a missão especial de socorro às vítimas das enchentes no sul da Bahia. No total, 25 militares, seis viaturas e uma aeronave foram deslocados para o estado vizinho com o objetivo de reforçar ações de resgate e orientar a população sobre medidas de prevenção que devem ser adotadas durante temporais.

A corporação estava em solo baiano desde o dia 25 de dezembro, por determinação do governador Camilo Santana (PT), um dos primeiros chefes de executivo estadual a disponibilizar ajuda ao colega Rui Costa (PT). Ao anunciar o envio das equipes, Camilo frisou que a missão seria realizada pelo tempo que fosse necessário. A desmobilização ocorreu devido à diminuição no volume de chuvas, que afastou temporariamente risco de novas enchentes.

Durante os nove dias em missão, os bombeiros atuaram em ações de salvamento, distribuição de cestas básicas, cortes de árvores e no transporte de moradores entre diferentes localidades. O trabalho foi desenvolvido nos municípios de Itapé, Aurelino Leal e Itabuna, abrangendo localidades urbanas e rurais. Nas atividades, os militares tiveram que usar equipamentos de proteção individual específicos, como coletes salva-vidas, cilindros, máscara full face — que cobre todo o rosto —, kit de primeiros socorros, croque marítimo telescópico e capacete de mergulho.

Em reconhecimento ao trabalho dos bombeiros, o comandante geral do CBM-CE, coronel Ronaldo Roque, conferiu o certificado “Superando Expectativas” ao grupo que participou da missão. “A nossa força-tarefa desenvolveu muito bem esse trabalho, demonstrando, acima de tudo, o quanto os integrantes do Corpo de Bombeiros possuem amor ao próximo. E cabe registrar que a partida foi num período em que as famílias geralmente se recolhem para celebrar de forma conjunta o Natal e o ano novo. No entanto, eles deixaram as suas e foram ajudar famílias que estavam separadas por uma tragédia na Bahia”, ressaltou.


Além do Ceará, outros 14 estados mais o Distrito Federal também enviaram militares do Corpo de Bombeiros para ações de socorro às vítimas das inundações na Bahia. Com a diminuição da intensidade das chuvas, as equipes estão sendo desmobilizadas desde o último domingo, 2.

Por: Opovo Online