Aprovada lei que institui Semana Estadual de Incentivo às Artes Marciais nas escolas cearenses

Aprovada lei que institui Semana Estadual de Incentivo às Artes Marciais nas escolas cearenses

Foi votado e aprovado nesta quinta-feira (12), na Assembleia Legislativa, o Projeto de Lei 227/2021, que estabelece a realização da Semana Estadual de Incentivo às Artes Marciais nas escolas da rede pública de ensino do Estado do Ceará. O autor do texto é o Deputado Estadual Delegado Diego Barreto (PTB).

Segundo o texto da lei, a ação deve ser realizada anualmente, sempre na última semana do mês de agosto pelo fato de anteceder o dia 1º de setembro, Dia do Professor de Educação Física, profissional também comprometido com a difusão das artes marciais nos ambientes escolares.

São consideradas artes marciais as atividades físicas praticadas em forma de lutas que seguem filosofias próprias em cada modalidade, contribuindo sob o aspecto de promoção da saúde e da educação, mas também na formação socioeducativa, integração dos praticantes na plenitude da vida social, respeito e disciplina.

Para Diego Barreto, que é delegado civil e faixa preta jiu-jitsu, durante a realização do evento, “o Estado pode promover atividades de conscientização da comunidade escolar no intuito de ressaltar a importância das artes marciais no processo da formação humana dos estudantes”, explica.

O parlamentar destaca que a prática das artes marciais resulta em inúmeros benefícios aos seus praticantes, contribuindo, inclusive, em seu desenvolvimento motor, cognitivo, afetivo e social. “Convém salientar que a prática das lutas aumenta a capacidade de concentração e por conseguinte o rendimento escolar no tocante às demais atividades escolares, fortalecendo nos estudantes o trinômio força, equilíbrio e concentração”, complementa.